O uso de tecnologia educacional e social na formação de Sanitarista

Autores

  • Olga Albuquerque Universidade de Brasília, Brasil
  • Maria Hosana Conceição Universidade de Brasília, Brasil
  • Maria Fernanda Melis Universidade de Brasília, Brasil
  • Felipe Albuquerque Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, Brasil
  • Neusi Berbel Universidade Estadual de Londrina - Paraná
  • Cecile Rodrigues Gestão em Saúde UPE/UAB, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.36367/ntqr.3.2020.808-821

Palavras-chave:

Tecnologia Educacional; Tecnologia Culturalmente Apropriada; Formação Profissional em Saúde; Atenção Primária à Saúde.

Resumo

Introdução: essa pesquisa se situa no contexto de mudanças no pensamento sobre o ensino superior, que apontam a necessidade de formação de profissionais críticos e com capacidade de análise da realidade social. Objetivos: analisar a percepção de estudantes da graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Ceilândia-Universidade de Brasília (SC/FCE-UnB), sobre a utilização de Tecnologia Educacional e Social (TES) relativas ao ensino-aprendizagem na disciplina Atenção Primária à Saúde (APS). Métodos: estudo de caso e análise de conteúdo das respostas ao questionário aberto aplicado aos estudantes de SC. Da leitura do corpus da pesquisa emergiram três grupos de sentidos: TES na formação da identidade profissional; importância da TES na percepção do nexo teoria/prática na APS e importância da TES na interação estudantes/gestores/usuários de Unidades Básicas de Saúde. Resultados: o emprego de TES proporcionou um processo de ação-reflexão-ação, ampliando/acelerando processos complexos de aprendizagem. A experiência pedagógica estimulou a identificação crescente do estudante com sua futura profissão, maior compreensão da relação teoria/prática e percepção da complexidade humana envolvida nos serviços de APS. Conclusões o desafio da articulação da disciplina APS ao mundo real no campo de prática da APS implica a necessidade de boa comunicação entre diferentes instituições/atores sociais para alcançarem objetivos pedagógicos comuns.

Downloads

Publicado

2020-07-09

Como Citar

Albuquerque, O. ., Conceição, M. H. ., Melis, M. F. ., Albuquerque, F. ., Berbel, N. ., & Rodrigues, C. . (2020). O uso de tecnologia educacional e social na formação de Sanitarista. New Trends in Qualitative Research, 3, 808–821. https://doi.org/10.36367/ntqr.3.2020.808-821