Enfermeiras na Avaliação Qualitativa do Curta-metragem “Nossas Histórias” sobre revelação da condição HIV à criança

Autores

  • Renata de Moura Bubadué Programa de Pós-Graduação em Enfermagem. Escola de Enfermagem Anna Nery. Universidade Federal do Rio de Janeiro (EEAN/UFRJ), Brasil
  • Ivone Evangelista Cabra Departamento de enfermagem Materno-infantil. Faculdade de Enfermagem. Universidade do Estado do Rio de Janeiro (FE/UERJ), Brasil

DOI:

https://doi.org/10.36367/ntqr.8.2021.582-590

Resumo

O vídeo educativo vem sendo produzido no campo da promoção de saúde em diferentes países para disseminar informação em saúde e contribuir para fomentar o diálogo sobre processos de saúde e doenças. A literatura sobre produção e validação de vídeo na saúde utiliza, em sua maioria, abordagem quantitativa. Diante disso, o curta-metragem "Nossas Histórias" foi produzido a partir de narrativas empíricas de enfermeiras e familiares que participaram da revelação do HIV à criança soropositiva.  Objetivos: avaliar o curta-metragem “Nossas Histórias”, sobre preparação de famílias para a revelação da criança HIV soropositiva, por enfermeiros e enfermeiras. Métodos Estudo qualitativo de avaliação de inovação tecnológica implementado com o Método da Roda, proporciona espaços coletivos de encontro e diálogos grupais onde os participantes valorizam seus saberes na criação de estratégias coletivas de mudança. Ele foi desenvolvido com 12 enfermeiros e enfermeiras no Rio de Janeiro. Os dados produzidos foram submetidos à análise de conteúdo de Minayo Resultados Após a análise do corpus textual do material produzido pelas enfermeiras na avaliação do curta-metragem, emergiram cinco temas: o conjunto da ferramenta curta-metragem, cenário, conteúdo do roteiro e público-alvo, indissociabilidade entre personagens e conteúdos e indissociabilidade entre personagem e técnica. Conclusões. O curta-metragem “Nossas Histórias” é um recurso inovador com potencial para ser aplicado no campo clínico do cuidado de advocacia pela enfermeira no ambiente da consulta de enfermagem. Sua produção foi estruturada tomando como marco de referência as dimensões ontológicas, metodológicas e epistemológicas de geração de conhecimento numa linguagem audiovisual que traduziu saberes próprios (de famílias) e científicos. No entanto, ainda é necessário realizar ajustes para que o curta metragem esteja adequado à realidade das enfermeiras.

Downloads

Publicado

2021-07-08

Como Citar

Renata de Moura Bubadué, & Ivone Evangelista Cabra. (2021). Enfermeiras na Avaliação Qualitativa do Curta-metragem “Nossas Histórias” sobre revelação da condição HIV à criança . New Trends in Qualitative Research, 8, 582–590. https://doi.org/10.36367/ntqr.8.2021.582-590