O processo diagnóstico do HIV no contexto de relacionamento estáveis: Interpretação descritiva

Autores

  • Ana Paula Vieira de Deus Escola de Ciências Sociais e da Saúde, Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Brasil
  • Vanessa da Silva Carvalho Vila Escola de Ciências Sociais e da Saúde, Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.36367/ntqr.9.2021.327-335

Palavras-chave:

HIV, Síndrome de Imunodeficiência Adquirida, Cônjuges, Relações Interpessoais, Pesquisa Qualitativa

Resumo

Introdução: O crescente aumento de infecções pelo HIV entre pessoas que vivenciam relacionamentos estáveis, indica a dificuldade da prevenção no contexto dos relacionamentos estáveis. Objetivo: Compreender o processo diagnóstico do HIV no contexto de relacionamentos estáveis. Método: Estudo descritivo interpretativo com 17 pessoas soropositivas para o HIV e três parcerias (duas soronegativas e uma soropositiva). Essas pessoas foram atendidas em um serviço de saúde ambulatorial da região Centro-Oeste do Brasil. Foi conduzida análise temática interpretativa. Resultado: O processo diagnóstico do HIV foi marcado por fatores determinantes para a busca do serviço de saúde, após a vivência de sintomas, exames de rotina e a confirmação da contaminação pela parceria. Os participantes atribuíram as possíveis causas de contaminação pelo vírus, às relações sexuais desprotegidas, ao compartilhamento de materiais e acidente com material biológico. Receber o diagnóstico foi descrito como um caminho solitário, marcado por sentimentos de negação, sofrimento e isolamento que trouxe para a vida dessas pessoas demandas terapêuticas e sociais complexas, sendo necessário a readaptação às atividades de vida diária. Verificou-se que o uso do preservativo, antes do diagnóstico do HIV era um desafio. Muitos não usavam por confiar na parceria estável. Conclusão: A descoberta do HIV trouxe consigo mudanças e adaptações necessárias para manutenção da vida. O preconceito, o medo do julgamento e o estigma sãos os principais desafios na vivência do HIV, sendo de grande responsabilidade dos serviços.

Downloads

Publicado

2021-07-08

Como Citar

Ana Paula Vieira de Deus, & Vanessa da Silva Carvalho Vila. (2021). O processo diagnóstico do HIV no contexto de relacionamento estáveis: Interpretação descritiva. New Trends in Qualitative Research, 9, 327–335. https://doi.org/10.36367/ntqr.9.2021.327-335