Investigação Qualitativa em período de distanciamento social: O desafio da realização de entrevistas remotas

Autores

  • Gabriel de Pinna Mendez Centro Federal de Educação Tecnológica, Celso Suckow da Fonseca, Brasil
  • Claudio Fernando Mahler Universidade Federal do Rio de Janeiro, COPPE/UFRJ, Brasil
  • Stella Regina Taquette Departamento de Ciências Médicas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.36367/ntqr.9.2021.336-343

Palavras-chave:

Distanciamento Social, Pesquisa Qualitativa, Entrevistas

Resumo

O presente trabalho buscou avaliar a realização de entrevistas na modalidade remota como ferramenta de coleta de dados em pesquisa qualitativa. No período de distanciamento social exigido pela pandemia de COVID-19 foram realizadas 18 entrevistas remotas no âmbito de estudo para avaliar a coleta seletiva de resíduos sólidos em uma capital no Brasil, que se encontra em fase de análise de dados, sendo assim, o objetivo do presente trabalho foi apenas avaliar as entrevistas remotas como técnica de coleta de dados e não avaliar os resultados das entrevistas. As entrevistas foram realizadas com o emprego de softwares diversos: Microsoft Teams, Google Meet, Zoom e chamada de vídeo por aplicativo de telefone celular (telemóvel). A média de duração das entrevistas foi de 40min e apesar das dificuldades encontradas, como a assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido – TCLE e a oscilação de sinal de internet, verificou-se que a realização das entrevistas remotas é viável, permite boa interação entre o investigador e o entrevistado com o cumprimento dos requisitos éticos em pesquisa. Conclusão: a entrevista remota se mostrou uma alternativa confiável e eficaz para coleta de dados de pesquisa qualitativa e ainda se destaca como ponto positivo a maior facilidade na gravação e transcrição das entrevistas. 

Downloads

Publicado

2021-07-08

Como Citar

Gabriel de Pinna Mendez, Claudio Fernando Mahler, & Stella Regina Taquette. (2021). Investigação Qualitativa em período de distanciamento social: O desafio da realização de entrevistas remotas. New Trends in Qualitative Research, 9, 336–343. https://doi.org/10.36367/ntqr.9.2021.336-343