Pesquisa netnográfica sobre espiritualidade/religiosidade e o diagnóstico de câncer de mama

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36367/ntqr.13.2022.e705

Palavras-chave:

Câncer de mama, Espiritualidade, Religiosidade, Netnografia, Internet

Resumo

Introdução: O câncer de mama acomete mulheres de diversas faixas etárias, gerando nelas sentimentos de medo, angústia e insegurança diante do diagnóstico. Nesse contexto, a espiritualidade e a religiosidade auxiliam no enfrentamento da doença. Objetivo: Analisar a percepção de mulheres sobre a importância da espiritualidade e religiosidade após o diagnóstico do câncer de mama. Metodologia: Trata-se de uma pesquisa netnográfica realizada no site “Oncoguia”, por meio da leitura de depoimentos das pacientes diagnosticadas com câncer de mama, que,no relato de sua vivência, apresentavam alguma palavra ou frases breves que remetessem a espiritualidade e/ou religiosidade. A coleta de dados ocorreu por meio da leitura de vários depoimentos, excluindo aqueles que não contemplavam o objeto de estudo da presente pesquisa. Utilizou-se análise de conteúdo na modalidade temática para analisar os depoimentos selecionados, possibilitando a identificação de duas temáticas. Os dados foram interpretados, numa perspectiva netnográfica, a partir das teorias que versam sobre espiritualidade/religiosidade no enfrentamento de doenças, emergindo as temáticas: “sentimentos no momento do diagnóstico” e “espiritualidade/religiosidade e a adesão ao tratamento”. Resultados: Foram selecionados 20 relatos. As temáticas de análise versam sobre sentimentos no momento do diagnóstico e espiritualidade/religiosidade para não desistir do tratamento. Observou-se que a fé e a espiritualidade auxiliam no enfrentamento da doença, ampliando a fortaleza e a esperança na cura, tamto para as mulheres como para suas famílias. Conclusões: A espiritualidade/religiosidade devem ser melhor exploradas e fortalecidas no processo de enfrentamento do câncer de mama. O conhecimento dessa perspectiva auxilia nas estratégias de tratamento em oncologia.

Referências

Assis, M. De, Santos, R. O. M. Dos e Migowski, A. (2020). Detecção precoce do câncer de mama na mídia brasileira no Outubro Rosa. Physis: Revista de Saúde Coletiva [online]. 30(01), 1-20 [Acessado 15 Março 2022] , e300119.

Benites, A. C., Neme, C. M. B., & Santos, M. A. dos. (2017). Significados da espiritualidade para pacientes com cancer em cuidados paliativos. Estudos de Psicologia (Campinas). Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas, 34 (2), 269-279.

Bushatsky, M., Lima, K. D, Moraes, L. X., Gusmão, L. T. B., Barros, M. B. S. C., & Figueira Filho, A. S. S. (2014). Câncer de mama: ações de prevenção na atenção primária à saúde. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online, 8(10),3429-36.

Correia, R. R., Alperstedt, G. D., & Feuerschutte, S. G. (2017). O Uso do Método Netnográfico na Pós-Graduação em Administração no Brasil. Revista de Ciências da Administração, 19(47), 163-175.

Epping-Jordan, J. E. et al (1999). Psychological adjustment in breast cancer: processes of emotional distress. Health Psychol., 18(18), 315-26.

Ferraz, C. P. (2019). A etnografia digital e os fundamentos da antropologia para estudos em redes on-line. Aurora: revista de arte, mídia e política, 12(35), 46-69.

Ferreira, C. B., Almeida, A. M. de, & Rasera, E. F. (2008). Sentidos do diagnóstico por câncer de mama feminino para casais que o vivenciaram. Interface - Comunicação, Saúde, Educação [online], 12(27), 863-871.

Fornazari, S. A., Ferreira, R. E. R. (2010). Religiosidade/espiritualidade em pacientes oncológicos: qualidade de vida e saúde. Psic.: Teor. E Pesq. 26 (2).

França, T., Rabello, E. T., & Magnago, C. (2019). As mídias e as plataformas digitais no campo da Educação Permanente em Saúde: debates e propostas. Saúde em Debate [online]. 43 (spe1), 106-115.

Freitas, R. A. et al (2020). Spirituality and religiousity in the experience of suffering, guilt, and death of the elderly with cancer. Rev. Bras. Enferm. 73 (Suppl 3). https://doi.org/10.1590/0034-7167-2019-0034

Giovanetti, J. P. (2004). “O Sagrado napsicoterapia “. In Angerami-Camon, V. A. (org.) Vanguarda em Psicoterapia Fenomenológico-Existencial. Pioneira.

Gobatto, C. A., & Araujo, T. C. C. F. de. (2013). Religiosidade e espiritualidade em oncologia: concepções de profissionais da saúde. Psicologia USP, 24(1), 11-34. https://doi.org/10.1590/S0103-65642013000100002

Gondim, C. B., Bolzán, R. E., Espínola, R. S., & Alexandre, M. L. O. (2020). Netnografia como Método de Pesquisa em Turismo: análise de estudos de Pós-Graduação no Brasil. RTA/ ECA-USP, 31(1), 19-36.

Honório et al. (2015). Ser cuidador de familiar com câncer de cabeça e pescoço. Rev Bras Promoção Saúde, 28(3), 337-343. https://periodicos.unifor.br/RBPS/article/view/3609/pdf.

Instituto Nacional do Câncer – Inca (Ministério da Saúde) (2021). https://www.inca.gov.br/.

Kozinets, R. V. (2002). The field behind the screen: using netnography for marketing research in online communities. Journal of Marketing Research., 39, 61-72.

Kozinets, R. V. (2014). Netnografia: Realizando pesquisa etnográfica online. Penso.

Kozinets, R. V. (2016) Netnography. In: Ritzer, G. (Ed.). The Blackwell Encyclopedia of Sociology.

Martins, J. S., Cunha, J. X. P., Biondo, C. S., & Mendes, L. S. (2021). Espiritualidade no enfrentamento do tratamento oncológico: revisão integrativa da literatura. Revista PróUniverSUS. 12 (1):116-124

Minayo, M. C. S., Deslandes, S. F., & Gomes, R. (2013). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 33. ed. Vozes.

Nejat, N., Whitehead, L., & Crowe, M. (2017). O uso da espiritualidade e religiosidade no enfrentamento do cancer colorretal. Enfermeira Contemp, 53(1), 48-59. 10.1080 / 10376178.2016.1276401.

Nilcpr (2019). Câncer de mama. Bangalore: Registro Nacional de Câncer, 1–8. http://cancerindia.org.in/breast-cancer/

Oliveira, A. L. R., Michelini, F. S., Spada, F. C., Pires, K. G., Costa, L. O., & Figueiredo, S. B. C. (2019). Fatores de risco e prevenção do câncer de mama. Revista Cadernos de Medicina, 02(03).

Oliveira, J. M., Reis, J. B., & Silva, R. A. (2018). Busca por cuidado oncológico: percepção de pacientes e familiares. Revista de Enfermagem – UFPE online, 12(4). https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/231359.

Oncoguia - Direitos dos pacientes (2021). http://www.oncoguia.org.br.

Pinto, E. B. (2009). Espiritualidade e Religiosidade: Articulações. Revista de Estudos da Religião, 68-83.

Reis, A. P. A, Panobianco, M. S., & Gradim, C. V. C. (2019). Enfrentamento de mulheres que vivenciaram o câncer de mama. Revista de Enfermagem do Centro Oeste Mineiro. 9:e2758.

Rossi, L., & Santos, M. A. (2003). Repercussões psicológicas do adoecimento e tratamento em mulheres acometidas pelo câncer de mama. Psicol. Ciênc. Prof., 23(4), 32-41. .

Rocha, P. T., Lima, C. A., Dias, O. V., Paiva, P. A., & Rocha, J. F. D. (2016). A Influência da Espiritualidade e da Religiosidade no Tratamento Oncológico: percepção da pessoa com câncer. RETEP - Rev. Tendên. da Enferm. Profis., 8(4), 2031-2036.

Tavakoli, R., & Wijesinghe, S. N. (2019). The evolution of the web and netnography in tourism: A systematic review. Tourism Management Perspectives, 29, 48-55.

Saegrov, S., & Halding, A. G. (2004). What is it like living with the diagnosis of cancer? Eur. J. Cancer Care, 13(2), 145-53. .

Sampaio, A. D., & Siqueira, H. C. H. (2016). Influência da Espiritualidade no Tratamento do Usuário Oncológico: Olhar da Enfermagem. Ensaios Cienc Cienc Biol Agrar Saúde, 20(3), 151-8. https://www.redalyc.org/pdf/260/26049965006.pdf.

Silva, P. A., & Riul, S. S. (2016). Câncer de mama: fatores de risco e detecção precoce. Rev Bras Enferm., 64(6), 1016-21.

Soares, S. S. D., & Stengel, M. (2021). Netnografia e a pesquisa científicana internet. Psicologia USP [online], 32 e200066. https://doi.org/10.1590/0103-6564e200066.

Soratto, M. T. et al. (2016) Espiritualidade e resiliência em pacientes oncológicos. Revista Saúde e Pesquisa, 9(1) 53-63. http://dx.doi.org/10.177651/1983-1870.2016v9n1p53-63.

Vargas, G. S., Ferreira, C. L. L., Vacht, C. L., Dornelles, C. S., Silveira, V. N., & Pereira, A. D. (2020). Rede de apoio social à mulher com câncer de mama. Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online), 12: 68-73.

Downloads

Publicado

2022-07-08

Como Citar

Cristina de Santiago Viana Falcão, Ana Maria Fontenelle Catrib, Christina César Praça Brasil, Patrícia Maria Santos Batista, Isabelle Cerqueira Sousa, & Juliana Carneiro Melo. (2022). Pesquisa netnográfica sobre espiritualidade/religiosidade e o diagnóstico de câncer de mama. New Trends in Qualitative Research, 13, e705. https://doi.org/10.36367/ntqr.13.2022.e705