O impacto do Parto Humanizado nas Parturientes de um Hospiatal Público

Autores

  • Bárbara Silva Alves Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Regional do Paranoá, Brasília, Brasil
  • Luciana Segurado Côrtes Hospital Regional do Paranoá, Brasília, Brasil
  • Isabela Ferreira Caetano Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Regional do Paranoá, Brasília, Brasil
  • Natalie Ribeiro de Toledo Camargo Dusi Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Regional do Paranoá, Brasília, Brasil
  • Ana Carolina Gonçalves de Miranda Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Regional do Paranoá, Brasília, Brasil
  • Vitória Silva Alves Acadêmica de Medicina do Centro Universitário de Mineiros, Goiás, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.36367/ntqr.8.2021.270-274

Palavras-chave:

Parto humanizado, Parto Normal, Trabalho de Parto, Humanização da Assistência

Resumo

Introdução: O nascimento e o trabalho de parto trazem o desafio de pensar em múltiplos aspectos com a finalidade de integração das avaliações médicas objetivas para a imprescindível segurança da mãe e do recém-nascido com as perspectivas subjetivas, não menos importantes, sobre os significados que cada mulher atribui à experiência do nascimento. Assim, há a importância do conhecimento técnico científico que, idealmente, precisa estar lado a lado com os aspectos emocionais. Desse modo, essa perspectiva definiu a realização do presente estudo que visa avaliar o impacto do parto humanizado em parturientes de um hospital público.  Objetivos: Avaliar o impacto de práticas de atenção humanizada em parturientes em um hospital público pelo olhar de uma médica residente em sua formação profissional. Métodos: Avaliação qualitativa de questionários semiestruturados aplicados em mulheres submetidas a parto normal humanizado, atendidas em hospital público, cuja análise de dado será feita utilizando a técnica de Bardin. Conclusões: Os dados do trabalho visam estimular os profissionais de saúde a terem um olhar humanizado diante do trabalho de parto e que as boas práticas de parto normal devem ser rotina no serviço.

Downloads

Publicado

2021-07-08

Como Citar

Bárbara Silva Alves, Luciana Segurado Côrtes, Isabela Ferreira Caetano, Natalie Ribeiro de Toledo Camargo Dusi, Ana Carolina Gonçalves de Miranda, & Vitória Silva Alves. (2021). O impacto do Parto Humanizado nas Parturientes de um Hospiatal Público. New Trends in Qualitative Research, 8, 270–274. https://doi.org/10.36367/ntqr.8.2021.270-274